Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Paróquia dos Álamos, Funchal

Não sabíeis que Eu devia estar em casa de Meu Pai?

SOLENIDADE DE SÃO JOSÉ, ESPOSO DA VIRGEM SANTA MARIA

SÃO JOSÉ ET AL..png

 

(QUINTA-FEIRA DA III SEMANA DA QUARESMA).

 

5ªfª19mar, S. José, Esposo = dia do pai, 7 anos de minis­tério do papa Francisco,

1ª| 2 Samuel 7,4-5a.12-14a.16

R| A sua descendência permane­cerá eternamente. + Salmo 88 (89)

2ª| Romanos 4,13-16-18.22

Evangelho| Mateus 1,16.18-21.24 ou Lucas 2,41-51a

o.f.| Pai nosso que estais nos céus, ouvi-nos.

 

Nota Histórica

Nos desígnios de Deus, José foi o homem escolhido para ser o pai adotivo de Jesus. É no seio da sua família modestíssima que se realiza, com efeito, o Ministério da Incarnação do Verbo. Intimamente unido à Virgem-Mãe e ao Salvador, José situa-se num plano muito superior ao dos mais profundos místicos: amando Jesus, amava o Seu Deus; toda a ternura respeitosa, com que envolvia Maria, dirigia-se à Imaculada Mãe de Deus.
Figura perfeita do «justo» do Antigo Testamento, homem de uma fé a toda a prova, no cumprimento da sua missão, mostrará sempre uma disponibilidade total, mesmo nos acontecimentos mais desconcertantes.
Protetor providencial de Cristo, continua a sê-lo do Seu Corpo Místico. O exemplo da sua vida é sempre atual para todos quantos querem situar a sua vida na âmbito dos desígnios de salvação do Senhor.

 

SALMODIA DA HORA INTERMÉDIA DA QUINTA-FEIRA DA III SEMANA DA QUARESMA

 

5.ª-feita III

 

Antífonas, do Domingo de Ramos até 5.ª-Feira Santa

Tércia: Antes da festa da Páscoa, sabendo Jesus que chegara a sua hora, deu aos seus discípulos a maior prova de amor.

Sexta: Assim como o Pai Me conhece, também Eu conheço o Pai, e dou a vida pelas minhas ovelhas.

Noa: Para mim, viver é Cristo e morrer é lucro. Toda a minha glória está na cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo.

 

Salmo 118 (119), 113-120: Elogio da lei divina

Feliz d`Aquela que Te trouxe no seio. Felizes os que ouvem a palavra de Deus e a cumprem (Lc 11, 27).

 

113 Detesto os que não sabem o que querem, *

eu estou afeiçoado à vossa lei.

114 Vós sois o meu refúgio e o meu escudo, *

em vossa palavra ponho a minha esperança.

115 Ímpios, afastai-vos de mim: *

quero observar os mandamentos do meu Deus.

116Amparai-me,segundoavossapromessa,paraqueeuviva*

e não seja desiludida a minha esperança.

117 Ajudai-me e serei salvo *

e observarei sempre os vossos decretos.

118 Vós desprezais os que se desviam dos vossos decretos, *

porque seus pensamentos são enganadores.

119 Considerais como escória todos os pecadores da terra, *

por isso eu amo as vossas ordens.

120 O respeito que tenho por Vós me faz estremecer *

e os vossos juízos inspiram-me temor.

 

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, *

como era no princípio agora e sempre. Amen.

 

 

Salmo 78 (79), 1-5.8-11.13: Lamentação sobre Jerusalém

Se tivesses conhecido, tu também, o que te podia trazer a paz. (Lc 19, 42).

 

1 Ó Deus, as nações invadiram a vossa herança, *

profanaram o vosso santo templo, †

fizeram de Jerusalém um montão de ruínas.

2Deramocorpodevossosservosemalimentoàsavesdocéu,*

as carnes de vossos fiéis aos animais da selva.

3Derramaramseusangue,comoágua,emtornodeJerusalém*

e não houve quem lhes desse sepultura.

4 Tornámo-nos o opróbrio dos nossos vizinhos, *

irrisão e escárnio dos que nos rodeiam.

5 Até quando, Senhor, Vos mostrareis sempre irritado *

e se reavivará, como fogo, a vossa indignação?

8 Não recordeis contra nós *

as culpas dos nossos pais;

corra ao nosso encontro a vossa misericórdia, *

porque somos tão miseráveis.

9 Ajudai-nos, ó Deus, nosso salvador, *

para glória do vosso nome.

Salvai-nos e perdoai os nossos pecados, *

em atenção ao vosso nome.

10 Para que não digam as nações: *

«Onde está o seu Deus?».

Conheçam as nações, à nossa vista, *

a vingança do sangue derramado dos vossos servos.

11 Chegue à vossa presença o gemido dos cativos; *

pela omnipotência do vosso braço, †

libertai os condenados à morte.

13 E nós, vosso povo, ovelhas do vosso rebanho, *

louvar-Vos-emos para sempre †

e de geração em geração cantaremos a vossa glória.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, *

como era no princípio agora e sempre. Amen.

 

 

Salmo 79 (80): A renovação da vinha devastada

Vinde, Senhor Jesus (Ap 22, 20).

 

2 Pastor de Israel, escutai, *

Vós que conduzis José como um rebanho.

Vós que estais sobre os Querubins, aparecei, *

3 à frente de Efraim, Benjamim e Manassés.

Despertai o vosso poder *

e vinde em nosso auxílio.

4 Ó Deus, fazei-nos voltar, *

iluminai o vosso rosto e seremos salvos.

5 Senhor Deus dos Exércitos, *

até quando ardereis em cólera, apesar da oração do vosso povo?

6 Destes-nos a comer o pão das lágrimas *

e a beber copioso pranto.

7 Fizestes de nós objeto de contenda entre vizinhos *

e os inimigos zombam de nós.

8 Deus dos Exércitos, fazei-nos voltar, *

iluminai o vosso rosto e seremos salvos.

9 Arrancastes uma videira do Egipto, *

expulsastes as nações para a transplantar.

10 Preparastes-lhe o terreno; *

ela deitou raízes e encheu a terra.

11 A sua sombra cobriu os montes *

e os seus ramos os cedros de Deus.

12 Estendia até ao mar as suas vergônteas *

e até ao rio os seus rebentos.

13 Porque lhe destruístes a vedação, *

de modo que a vindime quem quer que passe pelo caminho?

14 Devastou-a o javali da selva *

e serviu de pasto aos animais do campo.

15 Deus dos Exércitos, vinde de novo, *

olhai dos céus e vede, visitai esta vinha.

16 Protegei a cepa que a vossa mão direita plantou, *

o rebento que fortalecestes para Vós.

17 Pereçam diante da vossa face ameaçadora *

aqueles que lhe deitaram fogo e a devastaram.

18 Estendei a mão sobre o homem que escolhestes, *

sobre o filho do homem que para Vós criastes.

19 E não mais nos apartaremos de Vós: *

fazei-nos viver e invocaremos o vosso nome.

20 Senhor Deus dos Exércitos, fazei-nos voltar, *

iluminai o vosso rosto e seremos salvos.

Glória ao Pai e ao Filho e ao Espírito Santo, *

como era no princípio agora e sempre. Amen.

 

Antífonas, do Domingo de Ramos até 5.ª-Feira Santa

Tércia: Antes da festa da Páscoa, sabendo Jesus que chegara a sua hora, deu aos seus discípulos a maior prova de amor.

Sexta: Assim como o Pai Me conhece, também Eu conheço o Pai, e dou a vida pelas minhas ovelhas.

Noa: Para mim, viver é Cristo e morrer é lucro. Toda a minha glória está na cruz de Nosso Senhor Jesus Cristo.

 

LITURGIA DA PALAVRA DA MISSA DA SOLENIDADE DE SÃO JOSÉ, ESPOSO DA VIRGEM SANTA MARIA

->]¯Entrada¯ partituras-padre-ignacio.com

Derramarei sobre vós água pura * e ficareis limpos de toda ini­quidade. * Eu vos darei. Eu vos darei. * Eu vos darei um cora­ção puro.

Salmo 41 (42)

Œ Como suspira o veado pelas correntes das águas, * assim mi­nha alma suspira por Vós, Se­nhor. * Minha alma tem sede de Deus do Deus vivo, * quando irei contemplar a face de Deus.

ou

ANTÍFONA DE ENTRADA Lc 12, 42
Este é o servo fiel e prudente,
que o Senhor pôs à frente da sua família.

Diz-se o Glória.

P: Glória a Deus nas alturas…

R: …e paz na terra aos homens por Ele amados.

Senhor Deus, Rei dos céus, Deus Pai todo-poderoso: nós Vos louvamos, nós Vos bendizemos, nós Vos adoramos, nós Vos glorificamos, nós Vos damos graças, por vossa imensa glória.

Senhor Jesus Cristo, Filho Unigénito, Senhor Deus, Cordeiro de Deus, Filho de Deus Pai: Vós que tirais o pecado do mundo, tende piedade de nós; Vós que tirais o pecado do mundo, acolhei a nossa súplica; Vós que estais à direita do Pai, tende piedade de nós. Só Vós sois o Santo; só Vós, o Senhor; só Vós, o Altíssimo, Jesus Cristo;

com o Espírito Santo, na glória de Deus Pai.

Amen.




ORAÇÃO COLETA
Deus todo-poderoso,
que na aurora dos novos tempos confiastes a São José
a guarda dos mistérios da salvação dos homens,
concedei à vossa Igreja, por sua intercessão,
a graça de os conservar fielmente
e de os realizar até à sua plenitude.
Por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso Filho,
que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.


LEITURA I 2 Sam 7, 4-5a.12-14a.16
«O Senhor Deus Lhe dará o trono de seu pai David» (Lc 2, 32)

Leitura do Segundo Livro de Samuel
Naqueles dias,
o Senhor falou a Natã, dizendo:
«Vai dizer ao meu servo David:
Assim fala o Senhor:
Quando chegares ao termo dos teus dias
e fores repousar com os teus pais,
estabelecerei em teu lugar um descendente que nascerá de ti
e consolidarei a tua realeza.
Ele construirá um palácio ao meu nome
e Eu consolidarei para sempre o seu trono real.
Serei para ele um pai e Ele será para Mim um filho.

A tua casa e o teu reino
permanecerão diante de Mim eternamente
e o teu trono será firme para sempre».
Palavra do Senhor.


SALMO RESPONSORIAL Salmo 88 (89), 2-3.4-5.27 e 29 (R. 37)
Refrão: A sua descendência permanecerá eternamente.

Cantarei eternamente as misericórdias do Senhor
e para sempre proclamarei a sua fidelidade.
Vós dissestes:
«A bondade está estabelecida para sempre»,
no céu permanece firme a vossa fidelidade.

Concluí uma aliança com o meu eleito,
fiz um juramento a David meu servo:
Conservarei a tua descendência para sempre,
estabelecerei o teu trono por todas as gerações.

Ele Me invocará: «Vós sois meu Pai,
meu Deus, meu Salvador».
Assegurar-lhe-ei para sempre o meu favor,
a minha aliança com ele será irrevogável.


LEITURA II Rom 4, 13.16-18.22
«Esperando contra toda a esperança»

Leitura da Epístola do apóstolo São Paulo aos Romanos
Irmãos:
Não foi por meio da Lei,
mas pela justiça da fé,
que se fez a Abraão ou à sua descendência
a promessa de que receberia o mundo como herança.

Portanto a herança vem pela fé,
para que seja dom gratuito de Deus
e a promessa seja válida para toda a descendência,
não só para a descendência segundo a Lei,
mas também para a descendência segundo a fé de Abraão.
Ele é o pai de todos nós, como está escrito:
«Fiz de ti o pai de muitos povos».
Ele é o nosso pai diante d’Aquele em quem acreditou,
o Deus que dá vida aos mortos
e chama à existência o que não existe.
Esperando contra toda a esperança,
Abraão acreditou,
tornando-se pai de muitos povos,
como lhe tinha sido dito:
«Assim será a tua descendência».
Por este motivo é que isto «lhe foi atribuído como justiça».
Palavra do Senhor.


ACLAMAÇÃO ANTES DO EVANGELHO Salmo 83 (84), 5

Aclamação¯ Louvor/ glória... Repete-se
Felizes os que habitam na vossa casa, Senhor:
eles Vos louvarão pelos tempos sem fim. Refrão

Em vez deste Evangelho pode ler-se o que se lhe segue.


EVANGELHO Mt 1, 16.18-21.24a
«José fez como lhe ordenara o Anjo do Senhor»

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Mateus
Jacob gerou José, esposo de Maria,
da qual nasceu Jesus, chamado Cristo.
O nascimento de Jesus deu-se do seguinte modo:
Maria, sua Mãe, noiva de José,
antes de terem vivido em comum,
encontrara-se grávida por virtude do Espírito Santo.
Mas José, seu esposo,
que era justo e não queria difamá-la,
resolveu repudiá-la em segredo.
Tinha ele assim pensado,
quando lhe apareceu num sonho o Anjo do Senhor,
que lhe disse:
«José, filho de David,
não temas receber Maria, tua esposa,
pois o que nela se gerou é fruto do Espírito Santo.
Ela dará à luz um filho
e tu pôr-Lhe-ás o nome de Jesus,
porque Ele salvará o povo dos seus pecados».
Quando despertou do sono,
José fez como lhe ordenara o Anjo do Senhor.
Palavra da salvação.


Em vez do Evangelho precedente, pode ler-se o seguinte:

EVANGELHO Lc 2, 41-51a
«Teu pai e eu andávamos aflitos à tua procura»

Evangelho de Nosso Senhor Jesus Cristo segundo São Lucas
Os pais de Jesus iam todos os anos a Jerusalém,
pela festa da Páscoa.
Quando Ele fez doze anos,
subiram até lá, como era costume nessa festa.
Quando eles regressavam, passados os dias festivos,
o Menino Jesus ficou em Jerusalém,
sem que seus pais o soubessem.
Julgando que Ele vinha na caravana,
fizeram um dia de viagem
e começaram a procurá-l’O entre os parentes e conhecidos.
Não O encontrando,
voltaram a Jerusalém, à sua procura.
Passados três dias,
encontraram-n’O no templo,
sentado no meio dos doutores,
a ouvi-los e a fazer-lhes perguntas.
Todos aqueles que O ouviam
estavam surpreendidos com a sua inteligência e as suas respostas.
Quando viram Jesus, seus pais ficaram admirados;
e sua Mãe disse-Lhe:
«Filho, porque procedeste assim connosco?
Teu pai e eu andávamos aflitos à tua procura».
Jesus respondeu-lhes:
«Porque Me procuráveis?
Não sabíeis que Eu devia estar na casa de meu Pai?».
Mas eles não entenderam as palavras que Jesus lhes disse.
Jesus desceu então com eles para Nazaré
e era-lhes submisso.
Palavra da salvação.


Diz-se o Credo.

P: Creio em um só Deus…

R: …Pai todo-poderoso, Criador do céu e da terra, de todas as coisas visíveis e invisíveis.

Creio em um só Senhor, Jesus Cristo, Filho Unigénito de Deus, nascido do Pai antes de todos os séculos: Deus de Deus, Luz da Luz, Deus verdadeiro de Deus verdadeiro; gerado, não criado, consubstancial ao Pai. Por Ele todas as coisas foram feitas. E por nós, homens, e para nossa salvação desceu dos Céus.

(inclinando-te) E encarnou pelo Espírito Santo, no seio da Virgem Maria, e Se fez homem.

Também por nós foi crucificado sob Pôncio Pilatos; padeceu e foi sepultado. Ressuscitou ao terceiro dia, conforme as Escrituras; e subiu aos Céus, onde está sentado à direita do Pai. De novo há de vir em sua glória, para julgar os vivos e os mortos; e o seu reino não terá fim.

Creio no Espírito Santo, Senhor que dá a vida, e procede do Pai e do Filho; e com o Pai e o Filho é adorado e glorificado: Ele que falou pelos Profetas. Creio na Igreja una, santa, católica e apostólica.

 

 Professo um só batismo para remissão dos pecados. E espero a ressurreição dos mortos, e a vida do mundo que há de vir.

Amen.

 

[><] ¯Apresentação dos Dons¯ CT319

|:O Senhor salvou-me.:|2X

|:O Senhor salvou-me

porque me tem amor.:|2X

Por aquilo que o Senhor fez por ti, * reconhece quanto vales para Ele.

 Não há maior prova de amor * do que dar a sua vida pelo amigo.

Ž Quando éramos seus inimigos * Jesus Cristo deu a vida por nós.


ORAÇÃO SOBRE AS OBLATAS
Concedei-nos, Senhor,
a graça de servir ao vosso altar de coração puro,
imitando a dedicação e fidelidade
com que São José serviu o vosso Filho Unigénito,
nascido da Virgem Maria.
Ele que é Deus convosco na unidade do Espírito Santo.

[<>] ¯Comunhão¯AAp+AC-CT748

 |:Vós todos que tendes sede, vin­de às águas puras mesmo sem pagar.:|2X

|:Jesus quis morrer na Cruz para a todo o homem de graça salvar.:|2X

ou

ANTÍFONA DA COMUNHÃO Mt 25, 21
Servo bom e fiel,
entra na alegria do teu Senhor.

ou Mt 1, 20-21
Não temas, José:
Maria dará à luz um Filho
e tu Lhe darás o nome de Jesus.

ORAÇÃO DEPOIS DA COMUNHÃO
Senhor,
que na solenidade de São José
alimentastes a vossa família à mesa deste altar,
defendei-a sempre com a vossa proteção
e velai pelos dons que lhe concedestes.
Por Nosso Senhor.

[->¯Final ¯ML-CT761

O_amor de Deus repou­sa em mim, o_amor de Deus me consagrou. O_amor de Deus me enviou a_anunciar a paz e_o bem. O amor de Deus me enviou a anunciar a paz e o bem.

O amor de Deus me es­colheu para estender o reinado de Cris­to entre as nações

e consolar as almas dos pobres que sofrem.

Por isso eu exulto em Deus meu Salvador.

 

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
Em destaque no SAPO Blogs
pub